DISTÚRBIOS DA CAVIDADE ORAL - Introdução

Quando saudável, o revestimento da boca (mucosa oral) possui uma coloração rósea avermelhada e as gengivas, que ajustam-se firmemente aos dentes, possuem uma coloração rósea mais pálida. O teto da boca (palato) é dividido em duas partes: a parte anterior possui cristas e é dura (palato duro) e a posterior é relativamente lisa e macia (palato mole). Um bordo úmido-seco (bordo vermilhão) delimita claramente a superfície interna e externa dos lábios. A superfície externa é semelhante à pele e a interna é a mucosa úmida.

Normalmente, a língua não é lisa, ela é recoberta por pequenas proeminências (papilas), as quais contêm os botões gustativos. A boca pode ser afetada por condições locais (condições que afetam apenas uma área específica do corpo) como, por exemplo, algumas infecções e lesões. Além disso, doenças sistêmicas (doenças que afetam o organismo em geral) como, por exemplo, o diabetes, a AIDS e a leucemia, podem causar alterações na boca. Algumas vezes, os primeiros sinais dessas doenças manifestam-se na boca e são identificados por um dentista.

Distúrbios da Cavidade Oral

Os problemas que podem manifestar-se na cavidade oral incluem feridas e tumores variados como, por exemplo, as aftas e os tumores cancerosos. Além disso, o revestimento da boca ou do palato pode sofrer certas alterações de cor. Outros problemas incluem a halitose (mau hálito) e os distúrbios das glândulas salivares.


Categoria: Distúrbios Cavidade Oral

Publicado em: